16th nov, 2010

Rio 1992

Dear Stutents,

Pela data, vocês já devem imaginar: este vídeo é antigo. Mas tem tudo a ver com o contexto de nosso projeto.

Aliás, talvez alguns de vocês devem estar se perguntando: mas o que Natal tem a ver com Sustentabilidade? O Natal do ‘ consumismo exacerbado’ tem tudo a ver justamente com o oposto: a insustentabilidade.
Nestas próximas aulas teremos dois momentos: no primeiro, falaremos sobre o Natal e seus aspectos culturais (= cultural aspects). Vocês aprenderão vocabulário pertinente ao tema.

O segundo momento será falarmos sobre Sustentabilidade, e porque não, pensarmos em nossos desejos para um Natal e Ano Novo (mais sustentáveis).

Voltando ao vídeo, gostaria que vocês  reservassem uns minutos de suas ‘busy lives’ para assistirem ao vídeo. Está com legendas em português.  Severn Susuki, na época uma menina, calou os delegados, representantes das Nações Unidas quando falou de seus desejos e medos com relação às mudanças climáticas e expressou a agonia de não ver os países poderosos agirem de maneira adequada para melhorar a situação.

Vocês certamente já ouviram falar na Eco-92, mundialmente conhecida como Rio 92.  Infelizmente ainda há muito o que fazer, por parte dos poderes públicos, mas ‘what about us´ ? Será que fazemos a nossa parte em prol de um mundo melhor, um mundo mais verde, mais sustentável?  Vocês se preocupam com a água que usam, bebem, etc? Vocês economizam água em casa? E energia? E o alimento? E o que consomem? Vocês observam a procedência? Vocês usam pilhas recarregáveis?  O que você está fazendo hoje para ajudar o nosso planeta, o nosso país, nossa cidade, nosso bairro, em sua casa, em nossa escola? Vamos pensar sobre essas questões?

What can we do to become more sustainable?

É claro, é tudo um processo: “living green is a process, one step at a time”.  Estamos todos aprendendo.

Vejam o vídeo!

Responses

Apesar de não ser nascida nesta época, já ouvi muito sobre a Rio-92. Deveria existir uma conferência grande como esta todos os anos, como uma feira que pudesse integrar todas as pessoas, para que tomem conciência do rumo que tomou o mundo, com relação a natureza. Afinal a origem da vida está na natureza. Não importa quanto a poluam, ela sempre irá se recompor, mas será que estaremos para ver essa recomposição, já que as mudanças climáticas afetam a saúde e o bem estar do ser humano?

Pois é, Jéssica.
O mais assustador é a velocidade das mudanças….

Isso mostra que a nossa geração está acabando com a natureza, que antes era mais valorizada.
Como A senhora Falou “O mais assustador é a velocidade das mudanças” e cada vez mais esta velocidade aumenta e o nosso mundo que antes a vida era a natureza agora, não é mais, passar a ser só um sustento em nossa vida.

Realmente o natal e ano novo são épocas de não sustentabilidade ,essa corriqueira que nos transtorna ocasiona em um decorrer de fatos juntamente atropelados pela correria de compra de futilidades e gasto exacerbado de capital.
Mas também temos que entender que o mundo não pode querer uma mudança social muito grande pois pode ocasionar um impacto social muito grande,imagine você mudar todos seus aspectos culturais em prol do bem comum..
Infelizmente vivemos em um mundo que mesmo achando que não,olhamos muito para nós mesmos,temos que ao invés de querer mudar essas situações,incentivar uma mudança positiva para ambos os lados.
Um bom exemplo é ao invés de sair de carro ,ir de bicicleta(coisa boba,mas serve)

Vinicius Gomes Eiras
Turma 3003
CEJLL/NAVE

Vinícius,
Não é coisa boba não! Se cada um fizer a sua parte, teremos certamente um mundo mais ´sustentável´.

As pessoas comuns de hoje em dia são um pouco egoístas se tratando do meio ambiente. A população que cresce de 2 a cada segundo não reconhece o mal que está fazendo para a Terra. Como o Vinicius disse, a época de natal e ano novo é um gasto absurdo de capital. E agora, essa geração que virá deveremos esperar o que? Irão consertar o que fizemos ao Mundo, ou com a tecnologia deles farão pior?

Precisamos da ajuda de todos, cada um tem que fazer sua parte, ajudando da maneira que pode sem se preocupar se o outro está fazendo algo ou não. Temos que nos unir, para termos um mundo melhor e mais verde :)

Leave a response

Your response: